top of page

Deixa o telemóvel fora da cama!


A tecnologia é uma criação humana que nos ajuda nas diversas áreas da vida quotidiana, atualmente percebemos que essa ajuda pode – simplesmente – resvalar para um vício. Contudo, simples é coisa que a mente humana não é. As redes sociais tornaram-se prejudiciais para as sociedades, no princípio era uma forma de vermos alguém que não víamos há muito tempo ou de tornar a distância mais curta quando alguém trabalha fora do país, por exemplo. Nos dias de hoje, na minha opinião, as redes sociais mudaram completamente a socialização das pessoas contribuindo mais para o afastamento do que para uma maior ligação entre as pessoas prejudicando de forma significativa a empatia que é uma característica fundamental para as relações sociais. Alguns estudos recentes indicam que os vícios dos écrans estão ao nível dos vícios de drogas como álcool ou tabaco, o que deixa uma pergunta no ar: O que foi que aconteceu para que as pessoas se deixassem influenciar ao ponto de se viciarem? O medo de ficar fora das novidades (ou FOMO em inglês) não explica tudo, decerto que nos dá alguma clareza de factos, porém, é mais complexo que isso e deixo esta questão para um futuro artigo, neste quero deixar-te algumas razões pelas quais deves deixar o telemóvel de fora da tua cama:


Luz azul: Os telemóveis emitem uma luz azul, que é semelhante à luz solar e pode interferir no ciclo natural do sono. A exposição à luz azul antes de dormir pode suprimir a produção de melatonina, a hormona que regula o sono, tornando mais difícil adormecer e afetando a qualidade do sono.


Estimulação mental: Utilizar o telemóvel antes de dormir, como verificar redes sociais, ler e-mails ou ver vídeos, pode estimular o cérebro e dificultar a transição para um estado relaxado necessário para adormecer. Além disso, o conteúdo que consumimos nos telemóveis, como notícias ou mensagens pode causar ansiedade e interferir no sono.


Interrupções do sono: Ter o telemóvel próximo durante a noite pode levar a interrupções do sono. Notificações de mensagens, chamadas ou alarmes podem causar despertares frequentes durante a noite, prejudicando a qualidade do sono e o descanso adequado.


Dependência e vício: Dormir com o telemóvel ao lado pode alimentar a dependência e o vício em tecnologia. A sensação de estar sempre disponível e conectado pode levar a uma necessidade constante de verificar o telemóvel, mesmo durante a noite, o que pode afetar negativamente o sono e o bem-estar geral.


Higiene do sono: A cama deve ser reservada para atividades relacionadas ao sono e intimidade. Associar o telemóvel à cama pode comprometer a associação entre a cama e o sono, tornando mais difícil relaxar e adormecer.


Portanto, é recomendado deixar o telemóvel fora do alcance durante a noite, preferencialmente a uma distância da cama, para promover um sono mais saudável e restaurador. Este como outros artigos visam contribuir para uma maior reflexão sobre este tema, mas no fim quem dá a derradeira resposta e toma a decisão és tu!


Cumprimentos Psi!

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page