Qual a receita para o teu melhor "Eu"?

#psicologia #psicoefeito #pneiportugal #stress #blogpsicoefeito #blogpsicologia


Arrisco a dizer que não existe “aquela” receita devido ao facto de todos sermos diferentes na nossa igualdade humana, contudo, podes utilizar aquilo que te foi dado sem teres de pagar ou pedir seja o que for. Refiro-me a capacidades humanas superiores que estão todos os dias activadas, o que depende é do quão consciente estás destas capacidades ou se as utilizas da melhor maneira, então surge a pergunta: como é que sabes que estás a utilizar da melhor maneira?


O ser humano tem uma capacidade de complicar o que não é - nem devia ser - complicado, tu sabes quando estás a utilizar estas capacidades quando te sentes feliz, quando os outros à tua volta estão felizes com a tua presença, sentem saudades tuas com a tua ausência, promoves nos outros pensamentos positivos que os ajuda a caminhar na direcção dos seus sonhos os quais transformaram em objectivos. Resumindo uma longa lista, diria que quando tens um propósito na vida (Ikigai em japonês) e trabalhas todos os dias nesse sentido começa a surgir em ti uma força incomensurável que te domina para seres aquilo em que pensas porque tens essa vontade de ser quem queres. Quando isso acontece surgirão na tua vida pessoas que irás ajudar da mesma maneira que te ajudas a ti, é recíproco, quem dá Amor recebe Amor, se dás Amor a ti mesmo receberás Amor dos outros e ser altruísta é uma forma de dar Amor, entre outras.


Quais são as capacidades humanas superiores?


- Percepção É como vês as coisas, quando mudas a tua percepção (se a tua vida não for aquela que queres) mudas a tua vida;


- Intuição

É uma qualidade que tens de desenvolver como se de um exercício se tratasse, isto é, quanto mais trabalhada estiver a intuição melhor energia captas para a tua vida, imagina a tua glândula pineal como uma antena de energia que está sempre a captar energia, que energia queres sentir a ser descarregada no teu corpo?


- Vontade É a capacidade de olhares somente para aquilo que queres, quando isso acontece estás sintonizado com o teu objectivo e não com o objectivo de outros ou dos outros, és congruente contigo e isso sente-se na relação com os outros pois transmites confiança;


- Razão É a capacidade para pensar, uma vez mais quando estás em sintonia com o que queres e essa torna-se a tua razão, os teus pensamentos estão alinhados com o teu propósito emitindo a energia que precisas para influenciar o pensamento criativo;


- Imaginação O que tens na Mente pode criar tu podes conceber. Esta capacidade é fantástica e ao mesmo tempo pouco falada/discutida pelo menos em Portugal, mas porquê? Na minha opinião isso acontece porque existem muitas Mentes pequenas e fechadas que não se permitem expandir e depois querem, de forma inconsciente, que os outros façam igual, queres uma dica? Segue a tua vida e deixa que a tua Mente crie aquilo em que te queres tornar e o que queres alcançar, sê tu mesmo, simples. Imagina. Visualiza.


- Memória Estava a ver um Vlog quando oiço esta frase em inglês, “If you pay, you pay attention.” Traduzir de forma literal e enquadrando com a memória é: quando pagas algo estás a tomar atenção aquilo que estás a pagar e o acto de pagar juntamente com o valor que estás a pagar e a emoção associada cria-se assim uma memória. Quando usas a imaginação e colocas emoção elevada (e.g. Amor), crias uma imagem mental na tua Mente e como esta não destinge o que é real do imaginário, pode imaginar o que quiseres. Por exemplo imagina-te a pagar a casa que queres e lembra-te... "If you pay, you pay attention." O que te impede de imaginar/visualizar e impregnar com uma emoção positiva aquilo que queres para que te lembres todos os dias? O pensamento envia o sinal e a emoção atrai o evento.


Que imagem criaste ao ler este texto? Agenda uma consulta aqui para descobrires o teu Ikigai, conheceres a tua Mente e o mais importante, a Ti!!

Grato por estares desse lado!!

Pede, e será dado a ti,
Procura, e tu encontrarás,
Bate, e será aberto para ti.
Earl Nightingale
29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo